Entrevista: Maria V. Snyder


Ser livrólico é ser fã. E ser fã significa que se fazem coisas um pouco ridículas de quando em vez, como por exemplo ficar duas horas numa fila com sapatos de salto alto que magoam para ter um livro autografado e fazer uma entrevista de três perguntas.

E isto foi o que aconteceu no passado Domingo quando fui à Waterstones de Deansgate para me encontrar com a autora Maria V. Snyder, como eu no entanto, estavam mais cem pessoas na fila e a autora, que me confessou não esperar tanta afluência, fez das tripas coração e gastou pelo menos cinco minutos com cada leitor, passando assim as duas horas que tinha marcadas para dar autógrafos.

Por respeito às pessoas que estavam na fila e à escritora limitei-me a três perguntas.

1- Há uns tempos li numa entrevista que actua todas as cenas de luta. Ainda o faz?
Sim, actuo todas as cenas de luta. Faço-o para ter a certeza que os movimentos que descrevo são viáveis e que a luta se poderia processar dessa maneira.

2- Escreve tudo directamente no computador ou ainda escreve à mão?
Computador.  Sem dúvida. Não teria tempo de outra maneira.

3- Ainda está a escrever o próximo livro da saga?
Não, o livro vai ser lançado em Janeiro do próximo ano. Isso significa que já está para revisão com a minha editora.

Maria V. Snyder lançou este ano Shadow Study o quatro livro da saga Yelena Zaltana, sexto volume d'As Crónicas de Ixia ou primeiro da trilogia Soulfinders (conforme preferirem chamar à colecção e conforme a editora onde os compram).

2 leitores reagiram:

  1. Desconhecia a autora!
    Entrevista muito interessante!

    Bj

    ResponderEliminar
  2. Estou para ler algo desta senhora há anos! Felizmente há uns tempos para cá rendi-me aos livros em inglês e já comprei as duas primeiras trilogias. "Poison Study" vai ser sem dúvida uma das próximas leituras ^_^

    ResponderEliminar